IRANI MARTINS
 "REFLEXÕES DE UM CORAÇÃO PENSANTE"
CapaCapa Meu Diário TextosTextos FotosFotos PerfilPerfil Livro de VisitasLivro de Visitas ContatoContato LinksLinks
14/04/2016 08h32
MALAS PRONTAS, CORAÇÃO NEM TANTO...

De malas prontas estou indo, mas o coração ansioso, saltitante, desequilibra minha intenção de mostrar que tudo está tranquilo.

Não está mesmo!

Mas, vai ficar tudo bem. Como tudo na vida, este é um momento de passagem.

Damos àsd coisas um significado maior às vezes, do que são na realidade.

Estabelecemos padrões, determinamos ritos de passagens, que faz com que o normal se torne algo além do que é.

Sei da importância de um casamento, sei do que meu coração de mãe pede para a felicidade da minha filha, mas se olho atrás, vejo que no meu momento, tudo era tão mais tranquilo, sem o estresse de agora. Então acho que minha mãe era mais sábia do que eu, na verdade.

Não me recordo dessa ansiedade para mim.

Mas vivo uma ansiedade neste momento com minha filha.

Sei que tudo será perfeito, e o que não for, não importará, pois a ansiedade só existe agora, antes do fato, depois, ela estará morta, e restará apenas o momento presente e a alegria reinante.

Bom dia!

Irani Martins


Publicado por Irani Martins em 14/04/2016 às 08h32
Copyright © 2016. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
 
09/04/2016 11h26
Amanheceu e continuo pensativa...

Então...

Inquieta, mas me pergunto, minha inquietude é maior que da noiva? Afinal sou apenas a mãe. Mas fico apreensiva. Ser mãe da noiva é diferente. Filha é mulher como eu. Não que eu ache que ainda haja muitas diferenças na nossa cultura entre ser homem e mulher. Não aqui para nós. Mas é diferente ser mulher, interiormente. Bem, também não sei como é ser homem. Mas sei o que é estar vestida na pele de uma mulher e viver como mulher, como mãe, como esteio emocional de um lar.

Sei da alegria, mas sei também da caminhada árdua!

Como mãe... gostaria de poder parir por ela mil vezes.

Mas não posso.

Como mulher, gostaria de guiá-la por estradas mais amenas. 

Também não posso.

Posso apenas, desejar,para minha filha, de coração que a vida não lhe seja madrasta, que ela seja forte, e que eu possa estar sempre ao seu lado, quando precisar.

Meus pensamentos e ansiedades de mãe, perdurarão por dias...

Irani Martins


Publicado por Irani Martins em 09/04/2016 às 11h26
Copyright © 2016. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
 
08/04/2016 09h44
DESAPEGO

Bom Dia!

Hoje estou pensando bastante no meu desapego dos meus filhos.

Um a um eles se vão.

Agora é a vez da minha filha. A caçula.

Ao tempo que fico feliz por ela, tenho uma sensação de vazio e solidão apertando meu peito. Seguro dentro de mim a emoção, para não dizer o que não deve ser dito.

O momento é de alegria e festa!

Me sinto trêmula. E é melhor que seja hoje, amanhã e por agora.

Assim até o dia estarei calma e tranquila e passarei por mais esse desapego como devo passar. Com tranquilidade, por é a le da vida.

Que sejam felizes!

Como fui e sou!

Irani Martins


Publicado por Irani Martins em 08/04/2016 às 09h44
Copyright © 2016. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
 
07/04/2016 11h00
BOM DIA!

A cada dia um renascer.

Um momento que se foi um que se vive e um que logo chega.

O tempo é dinâmico, assim como o ser humano, então, interagimos com ele, acolhendo os contratempos do tempo e colhendo os frutos dessa interatividade.

Mudanças são consequências inevitáveis diante do tempo, e nos rendemos a elas e a ele. Mas é esse dinamismo da vida, que divide o tempo em dia e noite, que fez com que o ontem se fosse e o raiar do dia nos trouxesse a luz que dissipou a treva.

O dia hoje é de muita luz. 
Bom dia!

Irani Martins

 


Publicado por Irani Martins em 07/04/2016 às 11h00
Copyright © 2016. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
 
05/04/2016 15h49
DA MINHA JANELA, EU VEJO UM UNIVERSO...

Da minh janela eu tenho uma paisagem enquadrada, e dela vejo o que quero.

Posso por dentro dela um universo inteiro.

Experimente comigo e verá,  que olhando aqui e acolá, descobrirá tanta cor, tanta luz, nuances em profusão, que proporcionará pintar a paisagem que pedir seu coração.

É assim que faço, e dentro do quadro da minha janela, tem paisagem feita de nuvens, tem o verde da natureza, tem colorido de flores e até de pássaros que vem compor o cenário.

O vento contribui, promovendo movimento.

O sol, traz as diferentes matizes, tornando as cores mais belas.

O tom mais forte da terra, contrasta, reforçando seu papel de lastro da natureza.

A clardade de fora, ofusca minha penumbra aqui dentro, incendeia o meu quadro composto.

Tenho na minha janela a perfeita e poética visão do universo particular que me cabe.

Irani Martins

 


Publicado por Irani Martins em 05/04/2016 às 15h49
Copyright © 2016. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.



Página 2 de 3 1 2 3 [«anterior] [próxima»]

"SOU O QUE VEJO"

Irani Martins